TT Ads

O Clube Semanal de Cultura Artística alerta para a pior crise hídrica no país dos últimos 91 anos. O regime de chuvas em 2021 está bem aquém do esperado e a estiagem prolongada fez derrubar os níveis das represas e barragens.

No próprio clube, o nosso poço não consegue mais suprir o consumo total, os lagos estão quase secos e passamos a usar água da Sanasa quase diariamente. Isso afeta o Cultura, mas também afeta a você.

Se você acha que seu consumo de água é insignificante, vai se surpreender com a informação de que o brasileiro usa, em média, 154 litros de água por dia. Evitar o desperdício é importante e ainda mais necessário neste período crítico.

Para se ter uma ideia, o principal reservatório de água para região metropolitana de Campinas está em alerta. Segundo a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp), o volume do Sistema Cantareira, atingiu 38% de volume útil.

Apesar de Campinas garantir que a situação está controlada com a estrutura atual da cidade, outros municípios, como por exemplo Valinhos, já adotam medidas de rodízio entre os bairros que vão receber a água.

Além de afetar o abastecimento, a escassez de chuvas traz o aumento de custos para segmentos como a agricultura, a indústria e o setor de serviços.

Por isso, faça a sua parte com medidas simples seja em casa, no trabalho ou no clube. Afinal, hoje tem, mas amanhã pode faltar.

TT Ads

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *